Reboques para automóveis: venda de usados cresce 9% em 2017

Reboques para automóveis

Foram mais de 900 mil os veículos usados comercializados em 2017 em Portugal, um crescimento de 9% face a 2016. Um sinal de vitalidade do setor e que é uma mostra de que os portugueses estão a apostar forte na aquisição de veículos e de peças usadas, como os reboques para automóveis.

Entre as marcas mais vendidas no nosso país, a VW liderou, com quase 22%, seguida da General Motors e da Fiat, com 20 e 19 por cento. A Ford ficou-se pelos 10%, enquanto a Renault não chegou aos 5%. Já no que toca aos veículos comerciais ligeiros, a Fiat é a grande líder, seguida pela VW e pela General Motors. Esta é uma boa notícia para os vendedores de reboques para automóveis.

Reboques para automóveis: portugueses apostam cada vez mais em carros usados

As quotas de mercado das maiores marcas de automóveis mantiveram-se similares aos valores de 2016, com a VW a liderar, seguida pela Fiat, General Motors, Ford e Renault. De destacar a preferência por marcas europeias e pela ausência de marcas asiáticas, nomeadamente japonesas e coreanas.

Quanto a modelos, o Golf é o preferido dos portugueses, seguido de perto pela Palio, numa lista que inclui ainda o Uno. Nos modelos descontinuados, destaque para o antigo Corsa. Já no que toca aos desportivos, o EcoSport foi o preferido e mais desejado dos veículos usados. Muitos destes veículos vêm equipados com reboques para automóveis.

Modelos clássicos também com bastante procura

Entre os modelos clássicos mais vendidos, destaca-se o Carocha, o Escort e o Strada. Embora descontinuada em 2013, a Kombi também marca presença nesta lista de veículos clássicos usados em Portugal. Alguns destes modelos já tiveram algumas das suas peças substituídas, como faróis, para-choques e reboques para automóveis. Mas, a magia dos veículos, essa, continua toda lá!

Para saber mais ou comprar reboques para automóveis, contacte-nos.

%d bloggers like this: